Minas Gerais sobe ao pódio 17 vezes no primeiro dia das Paralimpíadas Escolares

Publicado em 23/11/2017

Imprimir  

Rita Rios foi medalhista de prata no atletismo. Foto: Renata Silva/SEESP.

A delegação de Minas Gerais iniciou, ontem (22), a disputa das Paralimpíadas Escolares, em São Paulo. Já no primeiro dia, os mineiros conquistaram dezessete medalhas: cinco de ouro, seis de prata e quatro de bronze.

A modalidade com maior número de pódios foi o atletismo, com 10. Os destaques foram Lorraine Esteves e Luana Ferreira, ambas da APAE de Ipatinga. Cada uma obteve duas medalhas.

Na natação, Minas Gerais ocupou as primeiras colocações em quatro oportunidades. Isabel Ferreira, da AACD de Poços de Caldas, venceu as provas dos 100m costas e 200m medley na classe S10, somando dois ouros à conta da delegação mineira.

Nas disputas do judô, Daniel Pereira, do Programa Superar de Belo Horizonte, faturou a prata na categoria meio médio (+ 73kg).

Já no tênis de mesa, Wagner Nunes e Tainá Damasceno, ambos da APAE de Patrocínio, foram medalhistas de ouro na competição por equipes, quando os mesatenistas se juntam a atletas de outros estados e formam um time para a disputa. Neste caso, as medalhas não contam para o quadro geral e para a classificação final.

O time mineiro de futebol de 7 já está entre os quatro melhores das Paralimpíadas Escolares. Foto: Leandro Martins/MPIX/CPB

O time mineiro de futebol de 7 já está entre os quatro melhores das Paralimpíadas Escolares. Foto: Leandro Martins/MPIX/CPB

Nas demais modalidades em que estiveram em ação, os mineiros tiveram saldo positivo nessa quarta-feira (22). Na bocha, foram sete jogos com cinco vitórias.

A equipe de futebol de 7 venceu o Rio Grande do Sul por 3 a 0 e está entre as quatro melhores das Paralimpíadas Escolares. Nesta quinta-feira (23), a disputa pela vaga na grande final será contra o Rio de Janeiro.

No goalball, os dois times mineiros entraram em quadra duas vezes cada, com uma vitória e uma derrota. O adversário batido pelo masculino foi o Rio de Janeiro, por 15 a 07. Já a equipe feminina venceu o Maranhão por 21 a 17. A atleta Letícia Maria da Silva, da Escola Estadual Lauro Fontoura (Uberaba), marcou os 21 gols de Minas Gerais e disparou na artilharia da competição.

Realizadas pelo Comitê Paralímpico Brasileiro, as Paralimpíadas Escolares são consideradas a maior disputa paradesportiva escolar do mundo e contam com a representação de todos os estados brasileiros mais o Distrito Federal. A delegação mineira na competição tem 63 atletas e 33 profissionais.

Fonte: Renata Silva/SEESP.

Comentários estão fechados

Inscrições

Faça sua inscrição, gerencie os dados de seu município, escolas e atletas.

Acesse o sistema agora